quarta-feira, setembro 27, 2006

O Pipismo é mais que um desporto

Não é?

PS:
«Sem-abrigo portugueses abandonam instalações no Mundial de futebol
Selecção foi a quinta equipa a deixar uma escola onde as casas-de-banho não têm portas e os duches são tomados em carrinhas»
PÚBLICO

terça-feira, setembro 26, 2006

Escolaridade Obrigatória

Suicide bombers who are older — in their late 20’s and early 30’s — and better educated are less likely to be caught on their missions and are more likely to kill large numbers of people at bigger, more difficult targets than younger and more poorly educated bombers.

Aqui

quinta-feira, setembro 14, 2006

Estou Pipismado!

Pipisticamente falando, claro.

Convivências Pipistas (no sentido em que certamente o serão... ou não) têm-me feito descobrir e aprofundar o sentido do Pipismo? Não o saberei tão cedo, mas se pipisticamente me tornar Pipista, então Pipista sempre terei sido, e qualquer fase Pipista anterior (no sentido em que não o era) apenas terá tornado tal pipística metamorfose ainda mais Pipista.

Se Píspistica pessoa se ri de um passado que não era (ou seria?) não pouco Pipitista, e Pipista o era no sentido em que assim não seria, pois assim se tornaria, e com alguma condescendência (que pode não o ser) teme tudo o que não é Pipista (e como tudo o é, tal receio acaba por ser Pipista, ou não...) então terei eu razões para temer tornar-me, a prazo, noutro Pipista, que o é, sem se identificar como tal? (Como todo o genuíno Pipista?)

Eu diria que não. Ou não...

segunda-feira, setembro 04, 2006

o primeiro(e nao o ultimo que poderá ser o proximo ultimo/segundo)

foi com muito afinco que pensei neste improviso de texto rascunho pipista(ou nao), cheio de emoçao pela minha previsivel entrada no mundo pequeno do enorme pipismo.apresento-me como fred,pipista aprendiz que se diz ser mestre na arte de filosofar baseando-se nos ideais pipistas que dizem que nao ha ideais,pois eles sao como a agua,solida como o vento

domingo, setembro 03, 2006

I just lost The Game

The Game.

Como referiu o João Vasco: «O Triunfo de não Triunfar é um triunfo triunfante,
mas a ausência dessa ausência pode ser interessante.»
-- Palavra do Sub-zero.